1 - O que devo fazer para ingressar no Exército Brasileiro como temporário ou o que fazer para ingressar em Órgão de Formação de Oficiais da Reserva? 

R - As informações sobre o ingresso na Força Terrestre na condição de Oficial Técnico Temporário (OTT) ou Sargento Técnico Temporário ( STT) estão disponíveis no sítio eletrônico do Exército Brasileiro na Internet, www.exercito.gov.br , na opção “Ingresse no Exército”. É importante ressaltar que o ingresso na condição de OTT e STT está condicionado às necessidades das Regiões Militares, de profissionais das áreas específicas. Desse modo, é conveniente verificar, no mesmo sítio, na opção “Órgãos do Serviço Militar”, os endereços e telefones das Seções do Serviço Militar Regional (SSMR) à qual Região Militar sua cidade está vinculada. Endereço: www.exercito.gov.br/02Ingres/Orgaos.htm#ssrm.

2. Com quantos anos de idade começa a carreira no Exército Brasileiro?

R - A carreira poderá começar a partir dos 15 (quinze) anos de idade, que é o limite mínimo de idade para a inscrição no concurso da Escola Preparatória de Cadetes do Exército, no sítio eletrônico: www.espcex.ensino.eb.br.

3. Posso realizar o Estágio de Instrução e de Preparação para Oficial Temporário fora da área onde me formei?

R – Não. O Estágio é realizado pela Região Militar, responsável pelo órgão de Formação da Reserva, dentro de sua área de responsabilidade.

4. Como posso ser Oficial ou Sargento do Exército Brasileiro?

R - De acordo com idade e nível de escolaridade, existem várias opções para homens e mulheres ingressarem no Exército, seja como militar de carreira ou temporário.

Para o militar de carreira (Oficial ou Sargento), o ingresso só é possível mediante a aprovação em concurso público, de âmbito nacional, para uma das Escolas de Formação. O militar, dessa forma, cria um vínculo com a Instituição, podendo deixá-la ao pedir transferência para a reserva remunerada, após o término do seu tempo de serviço.

O militar temporário (Oficial ou Sargento) permanece no Exército por um período de tempo delimitado, previamente informado. Findo o limite do tempo de serviço, o militar passa para a reserva não remunerada. O ingresso é por meio de uma seleção conduzida pelas Regiões Militares, que estabelece o período e as vagas para cada área de interesse necessária.

5. Então, como ingressar em uma Escola Militar do Exército Brasileiro?

R - Este se realiza mediante concurso público que consta de prova intelectual, teste físico e exame médico. As informações sobre o ingresso na Força Terrestre estão disponíveis no sítio eletrônico da Internet www.exercito.gov.br na opção “Ingresse no Exército”.

6. Quais áreas de interesse do Exército para ingresso de Sargento Temporário?

R - No momento as áreas de interesse da Instituição estão citadas a seguir. Contudo, pode ocorrer mudanças conforme a necessidade da Força.

a. Qualificação Militar de Subtenentes e Sargentos (QMS) de Saúde:
- Operador de Raios-X.
- Auxiliar de odontologia.
- Auxiliar de cirurgia.
- Protético.
- Auxiliar de enfermagem.
- Técnico em laboratório e farmácia.
- Técnico em inspeção de alimentos.
- Técnico de enfermagem.

b. QMS Material Bélico:
- Mecânico de viatura automóvel.
- Mecânico eletricista de viatura automóvel.
- Torneiro mecânico.
- Mecânico de equipamento pesado de Terraplenagem.
- Técnico em metalurgia.
- Artífice de máquinas e ferramentas.
- Soldador.
- Lanterneiro (funileiro).

c. QMS Manutenção de Comunicações:
- Mecânico de equipamento eletrônico.
- Técnico em manutenção de micros e periféricos.
- Técnico em eletrônica.
- Fotógrafo de laboratório.
- Técnico em manutenção e operação de equipamentos audiovisuais.

d. QMS Intendência:
- Auxiliar de aprovisionamento.
- Armazenista.
- Técnico em administração de depósito.
- Técnico em contabilidade.
- Almoxarife.

e. QMS Engenharia:
- Eletricista predial.
- Técnico de edificações.
- Desenhista projetista.
- Técnico em hidráulica (bombeiro hidráulico).
- Técnico em manutenção de motores de popa.
- Operador de equipamento pesado.

f. QMS Topografia:
- Topógrafo.
- Cartógrafo.
- Fotogrametrista.

g. QMS Músico:

h. Qualquer QMS Técnica:
- Técnico de refrigeração.
- Técnico de artes gráficas (desenhista).
- Programador.
- Secretário.
- Arquivista.
- Técnico de estatística.
 

7. O que é o Estágio de Serviço Técnico?

R - O Estágio de Serviço Técnico (EST) destina-se aos Oficiais da reserva (R/2), Aspirantes-a-Oficial R/2, aos reservistas de 1ª ou 2ª Categorias, aos dispensados de incorporação e às mulheres - que tenha menos de 38 (trinta e oito) anos de idade em 31 de dezembro do ano da incorporação - integrantes de categorias profissionais de nível superior de áreas de interesse do Exército, que irão preencher claros em cargos nas Organizações Militares. A SELEÇÃO para o EST será realizada pelas Regiões Militares.

A SELEÇÃO será feita com base em:
- Comprovação de habilitação/especialização para os cargos a desempenhar.
- Prova de Títulos.
- Exame de Saúde.
- Entrevista.

O EST terá a duração de 12 (doze) meses e será dividido em duas fases:

1ª FASE: a instrução técnico-militar, com duração de quarenta e cinco dias e realizada, obrigatoriamente para adaptar o convocado às normas e procedimentos da caserna.
2ª FASE: destinada à aplicação de conhecimentos técnico-profissionais, realizada nas Organizações Militares para as quais foram convocados.

Após a convocação por um período de doze meses, aos Oficiais Temporários do EST poderão ser concedidas, sucessivamente, prorrogações de doze meses cada uma.

O tempo de serviço (Serviço Militar mais Serviço Público) do Oficial Temporário do EST não poderá exceder 7 (sete) anos.  

8. Quais as áreas de interesse do Exército para o Estágio de Serviço Técnico?

R - No momento as áreas de interesse da Instituição estão citadas a seguir. Contudo, pode ocorrer mudanças conforme a necessidade da Força.

a. Ciências Agrárias:
- Engenharia Agrícola.
- Engenharia Florestal.
- Engenharia de Meio-ambiente.

b. Ciências Biológicas:
- Biologia Geral.

c. Ciências da Saúde:
- Medicina.
- Farmácia.
- Veterinária.
- Odontologia.
- Educação Física.
- Enfermagem.
- Fisioterapia.
- Fonoaudiologia.
- Nutrição - Terapia Ocupacional.

d. Ciências Exatas e da Terra:
- Computação.
- Processamento de Dados – Informática.
- Estatística.
- Matemática.

e. Ciências Humanas:
- Geografia.
- História.
- Pedagogia.
- Psicologia.
- Sociologia.

f. Ciências Sociais Aplicadas:
- Administração.
- Arquitetura e Urbanismo.
- Biblioteconomia.
- Ciências Contábeis.
- Comunicação.
- Jornalismo.
- Publicidade.
- Arquivologia.
- Relações Públicas.
- Direito.
- Economia.
- Museologia.
- Serviço Social.

g. Engenharias:

h. Letras:

i. Assistência religiosa:
- Padre católico romano.
- Pastor.
 

9. Qual o período máximo de permanência do Oficial Temporário na ativa?

R - O Oficial Temporário de área técnica (EST), de saúde (MFDV) ou que esteja em corpo de tropa (oriundos de Centro ou Núcleo de Preparação de oficiais da reserva - CPOR / NPOR) poderá requerer anualmente a prorrogação do tempo de serviço por um período de até 7 (sete) anos. A concessão ou não da prorrogação fica a critério da Organização Militar, em função do desempenho profissional do requerente e do interesse do Exército.  

10. Como faço para fazer parte da aviação do Exército Brasileiro?

R - Para ser Oficial da Aviação do Exército é necessário ter se formado na Academia Militar das Agulhas Negras e posteriormente ser submetido à seleção específica.  

11. Quando haverá concurso para Oficial Capelão Militar ?

R - Não há previsão de concurso para Oficial de carreira da Capelania Militar, no momento. No entanto, acesse a página do Exército www.exercito.gov,br no link "Como tornar-se Oficial do Exército". Procure, também, a Região Militar na sua cidade ou a Organização Militar mais próxima para obter informações a respeito do período de inscrição e se existem vagas previstas para essa área.

12. O que fazer para ingressar no Exército Brasileiro como Capelão Militar?

R - As informações sobre o ingresso na Força Terrestre na condição de Capelão Temporário estão disponíveis no sítio eletrônico do Exército Brasileiro na Internet www.exercito.gov.br na opção “Ingresse no Exército”.

Ressalta-se que o ingresso de Capelães segue as mesmas diretrizes dos Oficiais Técnicos Temporários (OTT), está condicionado às necessidades das Regiões Militares de profissionais dessa área e está regulada de acordo com o art. 75 da Portaria 187 / DGP de 05 de outubro de 2006, disponível no endereço eletrônico: http://biblioteca.eb.mil.br/sisleg/?

Para maiores informações digite o nº da portaria, o ano e selecione em “Órgão de origem” o Departamento-Geral do Pessoal. Verifique também na opção “Órgãos do Serviço Militar” o endereço e telefone das Seções do Serviço Militar Regional (SSMR) a qual Região Militar sua cidade está vinculada em www.exercito.gov.br/02Ingres/Orgaos.htm#ssrm.

13. Quanto devo ganhar ingressando no Exército Brasileiro?

R - Em relação aos vencimentos, solicita-se que acesse a página www.planalto.gov.br/CCIVIL/_Ato2004-2006/2006/Lei/L11359.htm, ou pesquise a Lei de Remuneração dos Militares das Forças Armadas.

14. Sou míope. Esse fato impossibilita meu ingresso no Exército Brasileiro?

R - Só o exame médico poderá avaliar se o individuo é apto para servir ao Exército.

15. É muito difícil a vida no Exército Brasileiro?

R – As atividades do Serviço Militar são organizadas com formaturas, instruções, exercícios físicos e tiro que o tornam peculiar. É uma programação diária, que começa às 06:00 horas da manhã com a "alvorada" e termina às 22:00 horas com o "toque de silêncio".

A vida militar possui exigências como as transferências sucessivas, que afastam as famílias dos militares do convívio de seus parentes e amigos e obrigam os filhos a serem transferidos de escolas e universidades. Entretanto, é uma vida repleta de oportunidades.

16. Onde posso me informar sobre os concursos abertos?

R – Acesse o link do Site do Exército http://www.exercito.gov.br/01inst/DMF/concursos.htm