Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

FUSEx

Publicado: Quarta, 20 de Mai de 2020, 15h35 | Última atualização em Sexta, 08 de Outubro de 2021, 12h11 | Acessos: 9074

APOIO AO USUÁRIO FUSEx



Contatos do FUSEx no HGeC:

Fones:
(41) 3281-7524 (nota fiscal/liquidação/empenho)
(41) 3281-7536 (ressarcimento/restituição)
(41) 3281-7538 (contratos)
(41) 3281-7539 (alto custo)

O que é o FUSEx?

O Fundo de Saúde do Exército (FUSEx) foi criado pela Port. Min. Nr. 3.055, de 07 de Dez 1978.

Constituição: Recursos oriundos das contribuições obrigatórias e das indenizações pelos atendimentos médico-hospitalares e ambulatoriais, dos militares do Exército, na ativa e na inatividade, de seus dependentes, e dos pensionistas de militares.

Finalidade: Complementar os recursos provenientes do Governo Federal, destinados à assistência médico-hospitalar dos beneficiários do FUSEx.

A assistência à saúde à família militar é uma das principais prioridades do Comando do Exército, que tem envidado esforços no sentido de melhorá-la e aperfeiçoá-la, seja na obtenção de recursos financeiros na esfera do governo federal, seja na aplicação judiciosa dos recursos disponibilizados e arrecadados.

Importante desafio para a manutenção do equilíbrio receita/despesa é o custo crescente da saúde em âmbito global, já que a inflação médica é muito superior à inflação oficial, em função da absorção de novas tecnologias da área de saúde, bem como do aumento da expectativa de vida da população brasileira.

O Departamento-Geral do Pessoal, a fim de enfrentar esses desafios e de proporcionar o adequado atendimento aos beneficiários do Fundo de Saúde do Exército (FUSEx), dentre outras medidas, tem buscado a melhoria nos processos gerenciais, com a implantação de diversos 6 sistemas informatizados para modernizar a gestão do sistema de saúde do EB, a revisão da legislação da assistência à saúde e o reequipamento e a modernização das Organizações Militares de Saúde.

Cabe ressaltar que não tem havido contingenciamento de recursos do Fundo de Saúde do Exército (FUSEx) por parte do Governo Federal e que o montante arrecadado pelo Fundo é totalmente orientado e aplicado na assistência à saúde dos militares e seus dependentes.

O Sistema de Atendimento Médico-hospitalar aos Militares do Exército e seus Dependentes (SAMMED) atende cerca de 750 mil beneficiários em todo o território nacional, por intermédio de uma rede formada por 29 hospitais militares, 4 policlínicas e 28 postos médicos.

Dentre os atendidos pelo SAMMED, 600 mil também são beneficiários do FUSEx, que é uma fonte de recursos que se destina a complementar a assistência à saúde. O Fundo é gerido por 156 unidades gestoras, que atendem à família militar, ampliando o atendimento prestado pelo SAMMED por intermédio de uma rede de, aproximadamente, 6.500 Organizações Civis de Saúde e 3.500 Profissionais de Saúde Autônomos, contratados, conveniados ou credenciados, possuindo as seguintes características que o diferenciam dos planos de saúde existentes no mercado:

  • Inexistência de carência
  • Não possui limite de prazo para internações hospitalares
  • Não possui limite de prazo para internações em UTI
  • Possui ampla cobertura de procedimentos
  • Não restringe novas tecnologias, desde que necessárias e aprovadas pela Associação Médica Brasileira
  • Proporciona atendimento odontológico
  • Fornece órteses, próteses não odontológicas e artigos correlatos
  • Fornece, em muitos casos, medicamentos de alto custo
  • Tem baixo valor de contribuição, em comparação com os planos de saúde, principalmente para os militares de menores graus hierárquicos
  • Possibilita atendimento no Exterior, em casos excepcionais
  • Proporciona evacuação terrestre e aeromédica
  • Não onera o usuário com aumentos das contribuições decorrentes das mudanças de faixa etária

Todos os militares e servidores civis diretamente envolvidos no gerenciamento do FUSEx tem consciência da importância que esse Fundo proporciona ao amparar todos os que dele realmente necessitam, principalmente nos momentos de grande aflição pessoal ou familiar, motivados por enfermidades graves. Os depoimentos de inúmeros militares confirmam que o FUSEx foi o suporte que os amparou e minimizou o sofrimento nesses momentos de grande dificuldade, fornecendo recursos para um atendimento de qualidade, independente de seu grau hierárquico ou valor de sua contribuição, o que não seria viável caso o Fundo não existisse.

Verifique sua ficha financeira, com os descontos implantados ou a serem implantados em contracheque. Após entrar na página do DGP, acesse “informações do pessoal” e escolha a opção “verificar a minha Ficha Financeira (FUSEx).

Orientações para ressarcimentos

Formas de ressarcimentos:
1. De emergência:
Comunicar à Seção do FUSEx em no máximo dois dias úteis a ocorrência.
2. Eletiva:
Com autorização prévia da Região Militar

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA SOLICITAR AUTORIZAÇÃO PRÉVIA DA REGIÃO MILITAR:
- Trazer ao FUSEx, no HGeC, de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h30min:

Do HGeC:
a) Parecer médico preenchido por médico militar (pegar modelo no FUSEx);
b) Requisição médica (chequinho ou solicitação).

Do (s) Prestador (es):
a) Três orçamentos datados e assinados pelo profissional civil, constando a tabela e a edição que
será utilizada e o (s) código (s) do (s) procedimento (s);
b) Declaração de que não é conveniado/contratado e que não aceita receber por empenho. (Somente
para o menor orçamento).

Observações importantes:
1. Atendimentos eletivos em prestadores não credenciados, sem a prévia autorização da Região
Militar, NÃO serão ressarcidos. Os documentos citados acima, para solicitar autorização, deverão ser
entregues diretamente no FUSEx, e estes serão encaminhados à 5ª RM e informado ao paciente quando
autorizado o procedimento.
2. Após a autorização da 5ª RM e realização do procedimento/consulta, o titular deverá comparecer
à Seção FUSEx, às terças ou quintas-feiras, das 7h às 11h30min, para requerer o ressarcimento,
portando os seguintes documentos: comprovante de pagamento original, laudo do exame e os dados
bancários.
3. Comissão de Ética Médica: São considerados procedimentos sujeitos a parecer da Comissão
Ética Médica e do Serviço de Auditoria Médica Prévia de OMS:
1) cirurgia de lipoaspiração;
2) cirurgia corretiva nasal;
3) cirurgia corretiva de mama;
4) cirurgias plásticas corretivas em geral;
5) cirurgia eletiva para colocação de próteses corretivas não-odontológicas;
6) cirurgia corretiva de desvios da visão;
7) cirurgia de transplantes de órgãos;
8) colocação eletiva de próteses não-odontológicas;
9) gastroplastia;
10) cirurgia de recanalização de laqueadura tubária;
11) terapia fotodinâmica para pacientes com degeneração muscular (utilizando-se “Visudyne”);
12) tratamento de apnéia do sono com aparelho CPAP (“Continuous Positive Airway Pressure”); e
13) outros procedimentos e tratamentos, a critério do Ch DGP, ouvidas a DAP e a DSau.
14) Para os encaminhamentos de procedimentos ou exames de alto custo e complexidade (acima
de R$ 600,00) não previstos em convênio ou contrato com OCS e PSA.

Orientações para atendimentos de alta complexidade do FUSEx

Definição: São considerados procedimentos de alta complexidade: os internamentos e as cirurgias realizados em OCS ou PSA. 

Cabe ressaltar que é essencial a percepção de que são os casos eletivos (ambulatoriais) que, normalmente, aportam despesas substanciais. Com isto, monta-se um processo com uma previsão orçamentária para custeio de materiais e medicamentos a serem utilizados no procedimento, que só prossegue para agendamento após ciência e autorização dos escalões superiores (5ª RM e Dsau). Tudo isso é executado com a celeridade de que cada caso necessita. 

O BENEFICIÁRIO DO FUSEX DEVERÁ OBSERVAR O SEGUINTE: 
1. O horário de atendimento ao público é das 7h30min às 11h30min, de segunda a sexta-feira; 
2. Os pacientes estão sujeitos a avaliação, por médico especialista militar, para autorização do encaminhamento; 
3. O usuário só poderá agendar o procedimento solicitado após a confirmação de autorização do FuSEx; 
4. Será solicitado ao beneficiário que realize o agendamento do procedimento na OCS/PSA, para posterior liberação da guia de encaminhamento. 
5. As guias de encaminhamento serão emitidas após a autorização da Seção de Saúde Regional ou da DSau e entregues ao paciente até 07 (sete) dias antes do internamento; 
6. Para acompanhar o andamento da solicitação, utilize o contato presencial ou pelo número (41) 3281-7539.

Atendimento de urgência e emergência 24h

No caso de atendimento de urgência/emergência, o usuário poderá deslocar-se diretamente ao Pronto Atendimento Médico e Odontológico (PAMO) sem necessidade da Guia de Encaminhamento.

Nesse caso, o usuário deverá apresentar Identidade e Cartão FUSEx (ou declaração de Beneficiário).

Consultas

Apresentar todas as informações para a realização das consultas no HGeC.
Marcação de consultas pelo sistema online: https://sau.hgec.eb.mil.br/pac/

Exames/Radiologia

Apresentar todas as informações para a realização de exames direto na Radiologia.
Ou marcação de consultas pelo sistema online: https://sau.hgec.eb.mil.br/pac/

Laboratório

Marcação de exame pelo telefone (41) 3281-7504
Orientações para coletas de exames: http://www.hgec.eb.mil.br/index.php/component/content/article?id=96
Entrega de resultados: http://www.resultados.com.br/

Odontologia

Apresentar todas as informações para a realização das consultas no HGeC.
Marcação de consultas pelo sistema online: https://sau.hgec.eb.mil.br/pac/

Saúde mental

Apresentar todas as informações para a realização das consultas no HGeC.
Marcação de consultas pelo sistema online: https://sau.hgec.eb.mil.br/pac/

Vacinação

Ficar de olho nas campanhas de vacinação mediante ampla divulgação.

Guias de encaminhamento

Orientações para agendamentos, impressão de guias e opções de hospitais e clínicas conveniados ao FUSEx.
Emissão de guias pelo sistema online: https://sau.hgec.eb.mil.br/pac/

 

Processos OCS / PSA Credenciados.

(CLIQUE AQUI)

 

 

Fim do conteúdo da página